Goleiro do Botafogo comemora time completo no 1º duelo da final

Enquanto o primeiro duelo da final diante do Treze não chega, o Belo segue em preparação intensa. Desde 2013 que o Clássico Tradição não decide o campeão estadual. Da última vez, quem se deu melhor foi o time da capital. Neste domingo (30), os primeiros 90 minutos da decisão acontecerão no estádio Amigão, às 18h30.

Com as duas torcidas inflamadas com expectativa pelas decisões que estão por vir, a experiência dentro das quatro linhas pode pesar para equilibrar o ambiente.

O elenco botafoguense conta com uma quantidade considerável de atletas jovens, e Michel Alves, arqueiro do time, e já veterano, acostumado com decisões, falou como lidar partidas dessa importância.

– É uma final, requer concentração e respeito ao adversário. Quanto a parte externa, a gente não tem influencia sobre nada. O que podemos fazer é nos preparar em relação ao adversário e buscar o merecimento e a capacidade para obter o resultado que interessa a todos nós – explicou.

O camisa 1 enalteceu o fato de todos os atletas estarem a disposição do treinador Itamar Schulle para essa primeira batalha, em Campina Grande. Ele destaca as oportunidades que todos tiveram de atuar.

– Sempre é bom contar com todos os atletas. Nesse primeiro semestre, todos os jogadores profissionais e alguns da base do Botafogo-PB puderam atuar. Chegar em uma decisão, com todos aptos e com condições de participar dá segurança a comissão técnica – disse.

Perguntado sobre frio na barriga, preferiu despistar e apontar essa condição ao dia a dia do jogador de futebol.

– Todo jogo é uma responsabilidade muito grande. (O frio na barriga) É uma condição que faz parte do processo, e é natural com todo mundo, sendo decisão ou jogo normal – confessou.

Fonte: pbn/PB online

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *